Realizada em 16 regiões metropolitanas espalhadas pelo país, a estudo revelou tendências nacionais e peculiaridades regionais

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

  • O computador é o eletroeletrônico mais desejado pelos brasileiros. 47% dos entrevistados apontaram que sua próxima compra de eletroeletrônico deve ser um desktop,      notebook ou netbook
  • Posse de computador marca abismo social: lares sem computadores possuem renda média familiar de menos da metade da renda dos lares com computadores
  • Mesmo sem acesso a computador em casa, acesso a Internet já é praticamente universal nas      regiões metropolitanas. Mais de 90% dos entrevistados que não possuem computador acessam a internet regularmente em LAN houses ou casas de vizinhos e amigos.
  • Em todas as regiões e classes sociais, é unânime a opinião de que o ideal é ter mais de um computador em casa. Desktops e notebooks são compartilhados, mas o uso      individual está aumentando.

São Paulo, 26 de setembro de 2011 – A Intel divulga os resultados da pesquisa “Tech Metrics Brasil”, produzida através da Ipsos Brasil, que mapeou a penetração de computadores e conexões de banda larga em 16 cidades brasileiras. O estudo apontou que o computador e o acesso à Internet já se tornaram vitais em todos os estratos sociais, mesmo entre aqueles que não possuem um computador em casa.

 

“A universalização do acesso ao computador e a individualização do uso são grande vetores de redução da desigualdade social e da transformação da sociedade brasileira por meio da informação, da colaboração e da interatividade,” disse Cássio Tietê, diretor da Marketing da Intel Brasil. “Estamos avançando, mas ainda precisamos trabalhar para criar um país altamente conectado e preparado para aproveitar os benefícios que os grandes eventos mundiais, a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016, trarão para a economia e para a sociedade.”

 

A pesquisa foi realizada em 16 regiões metropolitanas de destaque no país, o equivalente a 35% da população brasileira e cerca de 50% do PIB nacional. Foram entrevistadas 2500 pessoas das classes sociais ABCD com idades entre 16 e 65 anos, que fossem usuários de computador, mesmo que não tivessem um em casa.  As 16 regiões metropolitanas abordadas neste estudo incluem São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Campinas, Votorantim, Curitiba Porto Alegre, Balneário Camboriú, Brasília, Goiânia, Fortaleza, Salvador, Recife, Petrolina, Sobral e Belém.

 

Penetração e individualização dos PCs

 

O estudo mostrou que 58% dos lares nas regiões metropolitanas do Brasil já possuem computadores, com uma presença ainda muito forte dos desktops. Enquanto 56% dos lares possuem pelo menos um desktop, apenas 15% possuem pelo menos um notebook. A penetração de notebooks é mais expressiva no Distrito Federal, onde o dispositivo já está em 25% dos lares, enquanto a média nacional é de apenas 15%. Em todo o Brasil, o notebook está fortemente concentrado na classe A (47% dos lares) e B (23% dos lares).

 

Já nas classes C e D, o desktop marca presença de modo mais expressivo. Enquanto 56% dos lares da classe C já possuem pelo menos um computador, o computador desktop já está presente em 22% dos lares da classe D.

 

O Brasileiro também começa a seguir a tendência mundial de individualização do PC, com pelo menos 19% dos lares contando com mais de um computador. Em pelo menos 9% dos lares, o desktop e o notebook coexistem: o primeiro como o “computador da família”, compartilhado, e o segundo como o computador pessoal de um dos moradores. Enquanto apenas 12% dos desktops nos lares são considerados de uso “individual”, para os notebooks esse percentual é de 46%.

 

Um total de 58% dos possuidores de Notebook também têm pelo menos um desktop e entre os que possuem um netbook, 36% também têm um notebook no lar. Mesmo nas classes C e D, a presença de mais de um computador no lar já alcança os percentuais de 7% e 4%, respectivamente. Em média, o brasileiro considera que apenas um computador não é suficiente para o lar. Em todas as regiões e classes sociais, a opinião média é de que o número ideal de computadores dentro do lar é acima de um.

 

Acesso a Internet banda larga é vital

 

Acessar  a Internet já é praticamente um hábito amplamente disseminado nas regiões metropolitanas pesquisadas, mesmo nos lares que não possuem computador. 96% dos donos de PC declararam que acessam a Internet regularmente. Entre os que não são donos de um computador, 93% também acessa a Internet regularmente. Entre os donos de computador, 63% declararam acessar a internet diariamente, enquanto apenas 23% dos que não possuem computador o fazem. O acesso a Internet faz parte do dia a dia de 99% da classe A, 97% da classe B, 96% da C e 88% da D.

 

Entre os donos de computador, o acesso a sites de busca foi considerado a atividade mais frequente no uso de computadores, apontado como a principal atividade por 78% dos entrevistados. Outras atividades apontadas como as mais frequentes são o acesso ao Orkut (69%), ouvir, organizar e manter uma coleção de músicas digitais (69%), editar, organizar ou manter uma coleção de fotos (47%) e pesquisar em sites de comparação de preços (41%).

 

Para os que não são donos de PCs, mas acessa a Internet regularmente, as atividades não são muito diferentes: pesquisa em sites de busca (69%), Orkut (67%), músicas digitais (47%), fotos (37%) e preparar trabalhos para escola, faculdade ou outros cursos (32%). O acesso destas pessoas se dá majoritariamente em LAN Houses (76%), casa de amigos e parentes (33%) e no trabalho (15%).

 

Computadores são campeões de preferência em eletroeletrônicos

 

O computador é o eletroeletrônico mais desejado pelos brasileiros. 47% dos entrevistados apontaram que sua próxima compra de eletroeletrônico deve ser um desktop, notebook ou netbook, bem acima dos desejos por uma TV LCD (16%) ou um celular com câmera e música (8%). O desejo por computadores é especialmente proeminente na região sul, onde o percentual chega a 58%.

 

O desejo de compra é latente nos lares que ainda não possuem um computador em casa (56%), enquanto 30% dos donos de PC têm planos de trocar de computador ou comprar uma máquina adicional. Desktops e notebooks dividem a preferência de compras dos consumidores nas regiões pesquisadas - 25% para os desktops e 19% para os notebooks nas próximas compras de eletroeletrônicos. Os netbooks apresentam um percentual de 3%, mas sempre com o objetivo de ser um segundo ou terceiro computador dentro do lar.

 

O desejo por notebooks é substancialmente maior na Classe A (28%), mas está presente em todas as classes sociais. Na classe D, 11% desejam um notebook como seu próximo eletroeletrônico, enquanto 31% desejam um desktop.

 

As próximas compras de desktops e notebooks serão quase todas realizadas a prazo (82% das próximas vendas de desktops e 73% das vendas de notebooks). Mesmo nas classes mais altas, as compras a prazo são preferidas na hora de comprar eletroeletrônicos.

 

A pesquisa também abordou a penetração e o desejo de compra de outros dispositivos de acesso a Internet, como smartphones e tablets. Embora os telefones celulares sejam onipresentes nas regiões metropolitanas, o smartphone ainda apresenta baixa penetração na sociedade brasileira – apenas 2% dos entrevistados possuíam um smartphone, e apenas 1% demonstrou interesse em adquirir um nos próximos 12 meses. Já a penetração de tablets foi irrisória, menos de 1% tanto para a posse quanto para o desejo de aquisição nos próximos 12 meses.

 

“O computador continua sendo a principal forma de acesso a Internet e ferramenta insubstituível no dia-a-dia das pessoas. Embora esperemos um enorme crescimento no número de dispositivos pessoais de acesso a Internet, o que percebemos é que estas tecnologias são complementares, e não substitutas do PC”, comentou Cássio Tietê.

 

Computador marca abismo social

 

A posse do computador parece marcar um grande abismo social no Brasil – nos lares sem computadores pesquisados, a renda média familiar média é menos da metade da renda familiar dos lares com acesso a computadores.  Entre os que não possuem computador, a falta de dinheiro e condições de financiamento é apontada como a principal razão (66%).

 

“Este estudo nos mostra como é importante para o país o acesso a computadores e ao acesso a Internet. Fizemos grandes avanços na inclusão digital, com isenção fiscal e pacotes de benefícios que ajudaram o brasileiro a ingressar na vida digital, mas ainda existe uma distância grande a ser percorrida. Aumentar o acesso à informação e recursos da Internet é uma das formas mais eficientes que temos para melhorar a educação, promover serviços de governo eletrônico e a vida da população brasileira.” concluiu Cássio Tietê.

 

Destaque regionais:

  • A região Centro-Oeste, em especial pelo peso do Distrito Federal, mostra-se a região mais avançada em inclusão digital e uso de computadores dentro das regiões metropolitanas. Com 64% de penetração nos lares, a região se destaca pela alta concentração de notebooks (25%) e pela acentuada densidade de PCs (35% dos lares com mais de um computador).
  • A região Sudeste é a campeã na penetração de computadores nos lares das regiões metropolitanas (69%), mas a individualização está dentro da média nacional      (19%). É a região que apresenta o menor percentual de notebooks (13%, contra 15% da média nacional).
  • A região Sul apresenta penetração de 62% e lidera o desejo de compra por computadores. É a região que acessa a Internet com maior frequência – 70% dos entrevistados conecta-se diariamente. É no Sul que a maioria dos computadores é de uso compartilhado – apenas 10% dos desktops e 30% dos notebooks é de uso individual.
  • A região Nordeste tem a menor penetração (53%) e o menor grau de individualização (15%). Entretanto, apresenta alto grau de acesso a Internet – 68% dos entrevistados acessa a internet diariamente, contra 66% da média nacional.
  • A região Norte tem computadores em 60% dos lares em áreas metropolitanas e apresenta uma concentração de notebooks levemente acima da média nacional (17%, contra 15% da média). O destaque para a região para o acesso a internet via 3G, que apresenta a maior média do país (27%). É também a região onde as pessoas se conectam com menos frequência – 55% dos entrevistados conectam-se diariamente, contra 66% da média nacional.

 

Sobre a Intel

A Intel (NASDAQ: INTC) é líder mundial em inovação. A empresa projeta e fabrica as tecnologias essenciais que servem como base para os dispositivos computacionais de todo o mundo. Mais informações sobre a Intel estão disponíveis em http://newsroom.intel.com/community/pt_br.

 

Siga a Intel no Twitter: www.twitter.com/intelbrasil

SANTA CLARA, Califórnia, 22 de setembro de 2011 – A junta diretiva da Intel Corporation declarou um lucro trimestral de 21 centavos de dólar por cada ação ao portador (84 centavos de dólar por cada ação na base anual). O lucro será pago no dia primeiro de dezembro de 2011 para os acionistas inscritos até o dia sete de novembro de 2011.

 

A Intel (NASDAQ: INTC) é líder mundial em inovação. A empresa projeta e fabrica as tecnologias essenciais que servem como base para os dispositivos computacionais de todo o mundo. Mais informações sobre a Intel estão disponíveis em http://newsroom.intel.com/community/pt_br.

 

Siga a Intel no Twitter: www.twitter.com/intelbrasil

 

Intel e o logo da Intel são marcas registradas da Intel Corporation ou de suas subsidiárias nos Estados Unidos e em outros países.

* Outros nomes e marcas são propriedades de outros.

*Por Fabio Tagnin


Trânsito parado, semáforos desligados, iluminação pública apagada, pessoas na rua sem poder trabalhar, sem se comunicar com a família ou amigos, cenas de depressão, desespero e agonia. Não é a descrição de um terremoto, tsunami ou o fim do mundo. É o possível retrato do momento em que a Internet parar.

 

Talvez seja exagero dizer que a Internet mudou tudo, mas é seguro dizer que o comportamento humano, o conhecimento, a rotina diária e a maneira como trabalhamos e nos relacionamos com as pessoas e com o mundo sentiram a sua pesada influência. Hoje quase tudo está em rede ou é parte integrante da rede. Há algumas semanas foi comemorado o “Dia da Internet” em alguns países. Mas será que aqui no Brasil temos realmente o que “comemorar” com nossos índices de uso, disponibilidade e qualidade dos serviços ofertados de acesso à rede por banda larga?

 

De acordo com o Relatório Global de Tecnologia da Informação do Fórum Econômico Mundial, de 2009 a 2010, os países da América Latina (representados por Brasil, Argentina, Chile, Peru, Colômbia e México) possuem aproximadamente 6% de penetração da conectividade de banda larga e os custos de assinatura são dez vezes maiores do que os preços dos países da OCDE (Organização de Cooperação e de Desenvolvimento Econômico) – considerando Estados Unidos, Alemanha, Reino Unido, França e Espanha.

 

No ritmo atual, ainda vão décadas para que os países da América Latina alcancem os níveis da OCDE: os países da América Latina possuem 45% de penetração da Internet e 6% de penetração da banda larga, enquanto a OCDE apresenta 85% de penetração da Internet e quase nove vezes o percentual de penetração da banda larga.

 

Uma pesquisa realizada pela consultoria Point Topic, no fim 2010, demonstrou que a América Latina tem a conectividade de banda larga mais cara do mundo. De acordo com o relatório, o preço médio por megabit/s cobrado para o DSL é superior aos US$ 22. É mais caro do que o cobrado no Oriente Médio e África (US$ 20).

 

A conectividade de banda larga mais barata do mundo pode ser encontrada em Hong Kong: US$ 0,028 por megabit/s, seguido por Japão (US$ 0,048/Mbps). Pensando nisso, a Telecom Advisory Services LLC solicitou que a GSM Association calculasse o impacto dos impostos no desenvolvimento do segmento de banda larga móvel nos países emergentes. Esta pesquisa foi baseada em estudos de casos de países como México e Brasil, cuja tributação é considerada bastante pesada. O estudo chegou à conclusão de que para cada dólar reduzido dos impostos, os países emergentes gerariam um PIB adicional variando entre US$ 1,40 e US$ 12,60.

 

As desvantagens econômicas da banda larga fixa tornam a banda larga móvel uma solução possível para o desafio do acesso rápido à Internet. No entanto, apesar da importância fundamental da banda larga sem fio, México e Brasil adotaram uma estratégia de taxação que reduz seu potencial de penetração ao incluir ainda encargos adicionais para a compra de aparelhos e serviços. Tais impostos dificultam a difusão dessa tecnologia, em especial no Brasil.

 

A difusão da banda larga hoje parece ser essencial, já que a conexão discada não é uma opção aceitável nem mesmo para a população de baixa renda. Pesquisa realizada pela Intel no País apontou que entre os que possuem acesso à Internet em casa, 80% tem banda larga fixa. Além disso, mais de 60% dos donos de PCs no Brasil não podem viver sem acessar a Internet diariamente, além dos 13% que não possuem PC, mas navegam todos os dias.

 

Partindo da experiência e de casos de sucesso em outros países, observa-se que para a implantação eficiente de sistemas compatíveis com a necessidade que o mercado apresenta, é indicado que indústria, governo e universidades discutam e desenvolvam juntos os melhores modelos para a realidade brasileira e, a partir daí, criem iniciativas que sejam eficientes para o consumidor final, rentáveis para os fornecedores do serviço, e que contribuam para o fortalecimento da economia. Só aí, finalmente, desastres naturais à parte, talvez possamos evitar que a cena descrita logo no início desse texto seja causada por falta de infraestrutura tecnológica. E teremos algo a celebrar em um “Dia da Internet”, falando com orgulho de banda larga e conectividade em nosso País.

 

*Fabio Tagnin é diretor de Expansão de Mercado da Intel Brasil

NOTÍCIAS EM DESTAQUE:

  • Maior gama de produtos para entusiastas estará disponível no mercado brasileiro;
  • Santa Efigênia, em São Paulo, InfoCentro, no Rio de Janeiro, e o portal GoGeek oferecem mais peças de alta performance e qualidade;
  • Membros da nova comunidade “Canal Entusiasta Intel”  serão informados sobre as principais novidades e promoções.

São Paulo, 19 de setembro de 2011 – A Intel está reforçando sua presença no mercado brasileiro de entusiastas. Agora, uma quantidade maior de produtos de altíssimo desempenho estarão disponíveis nos centros tradicionais de compras de como a Santa Efigênia, em São Paulo, Infocentro, no Rio de Janeiro e através do portal de vendas online GoGeek.com.br, além de outras lojas especializadas em todo o Brasil.

“Tradicionalmente, o entusiasta brasileiro precisava realizar uma extensa pesquisa para adquirir os produtos de maior performance por um preço justo”, explicou Brent McCray, Gerente Mundial para o Segmento Entusiasta da Intel. “Com o aumento de nossa presença neste segmento, facilitaremos o processo de compra deste público tão exigente com relação à performance dos produtos que adquirem.

 

Nova parceria: GoGeek


Buscando ampliar o leque de opções para os entusiastas, a Intel firmou uma parceria com o site GoGeek.com.br, o que garantirá um canal onde os entusiastas poderão encontrar uma maior oferta de produtos de altíssima performance e recebê-los diretamente em casa, por meio da nova seção Intel Extreme Zone no www.gogeek.com.br.  A Intel lança também no Brasil uma comunidade online onde os entusiastas podem trocar informações sobre novidades e equipamentos de última geração.

 

A Intel e seus parceiros de canal manterão nos centros de compra tradicionais e no portal GoGeek produtos de alta performance e última geração. Entre os itens oferecidos estão processadores da 2ª Geração da Família Intel® Core™ i5 e Core™ i7, placas-mãe, placas de vídeo, SSDs, gabinetes, coolers, fontes de alimentação e memórias. O site também oferecerá promoções periódicas e parcerias com distribuidoras de games, trazendo mais vantagens para quem realizar suas compras pelo GoGeek.com.br.

 

Entre os entusiastas, os dois produtos que mais se destacam são os processadores da 2ª Geração da Família Intel® Core™ i7-2600K e Core i5-2500K. “Estes processadores, além de totalmente desbloqueados para overclock, também contam com as tecnologias Intel® Turbo Boost Technology, Intel® Hyper-Threading Technology (no Core i7) e Intel® HD Graphics 3000. Estas características fizeram da linha K da Intel os favoritos pelos gamers e entusiastas de mídia, e já estão disponíveis no mercado brasileiro”, comenta Brent McCray.

 

Os SSDs também estão se tornando itens indispensáveis para o público entusiasta.  “Os discos de estado sólido da Intel (SSDs) trazem uma nova tecnologia de armazenamento de alto desempenho, com velocidade mais rápida que os discos tradicionais, melhor segurança no armazenamento e transporte dos dados além de economia de energia” explica Marcelo A. Gonçalves, gerente de SSDs e Placas Mãe da Intel para América Latina.

O Canal Entusiasta da Intel manterá todos os apaixonados por desempenho informados sobre as principais novidades do setor e lançamentos de produtos. A comunidade online será o ponto de encontro dos entusiastas e gamers para troca de experiências e informações sobre a tecnologia Intel.

 

“Com o crescimento da economia brasileira, a procura por computadores equipados com o que existe de mais moderno é cada vez maior, ampliando um segmento de mercado muito importante para a Intel. Queremos oferecer a estes clientes os benefícios da tecnologia visivelmente inteligente da Intel, que faz com que os PCs sejam aproveitados ao máximo para fotos, vídeos, games, músicas e mainstream modelos de uso”, comentou Brent McCray.

 

Sobre a INTEL

A Intel (NASDAQ: INTC) é líder mundial em inovação. A empresa projeta e fabrica as tecnologias essenciais que servem como base para os dispositivos computacionais de todo o mundo. Mais informações sobre a Intel estão disponíveis em http://newsroom.intel.com/community/pt_br.

 

Siga a Intel no Twitter: www.twitter.com/intelbrasil

*Intel e o logo da Intel são marcas registradas da Intel Corporation ou de suas subsidiárias nos Estados Unidos e em outros países.

 

* Outros nomes e marcas são propriedades de outros.

NOTÍCIAS EM DESTAQUE


  • O novo “Processador de Voltagem Próxima ao Limiar” da Intel Labs desafia o status quo dos sistemas computacionais com uma CPU experimental com arquitetura Intel® Pentium®, oferecendo cinco vezes a eficiência no consumo de energia e a habilidade de funcionar ligado em uma célula solar do tamanho de um selo postal.
  • A Intel Labs divulgou o engine “Parallel JS” para a comunidade de código aberto, adicionando capacidades de paralelismo de dados para o JavaScript™ a fim de acelerar serviços baseados no navegador, como visão computacional, criptografia e jogos 3-D, em até oito vezes.
  • A Intel Labs revelou o Hybrid Memory Cube com uma eficiência no consumo de energia sete vezes melhor do que a atual memória DDR3, juntamente com as mais altas taxas de dados em um único dispositivo DRAM.
  • O CTO da Intel, Justin Rattner, destacou a aceleração da computação multi e many-core que estão se expandindo para além da computação de alto desempenho (HPC), com os desenvolvedores resolvendo problemas computacionais diários, tanto em clientes com em servidores.

 

INTEL DEVELOPER FORUM, San Francisco, 15 de setembro de 2011 – Citando o impacto da computação multi e many-core chegando ao mercado tradicional e os novos desenvolvimentos em computação em extrema escala como exemplos, Justin Rattner, chefe do departamento de tecnologia da Intel, disse para a plateia do Intel Developer Forum que o futuro da computação está  acelerado.

         “Desde 2006, a Intel e a comunidade de desenvolvedores têm trabalhado em parceria para transformar em realidade o potencial da computação multi e many-core, com a aceleração chegando além da computação de alto desempenho para resolver diversos problemas computacionais do mundo real em clientes e servidores”, disse Rattner durante seu discurso no terceiro dia do IDF San Francisco. “O que demonstramos hoje apenas arranha a superfície do que será possível com os sistemas de escala extrema e many-core no futuro”.

 

Computação ao extremo

         A Intel continua a levar a tecnologia para além dos limites atuais, procurando os próximos grandes saltos que levarão a computação para novos níveis de desempenho, com um consumo de energia muito menor do que é possível atualmente. Como exemplo, Rattner demonstrou o Processador de Voltagem Próxima do Limiar usando novos circuitos de voltagem ultrabaixa que reduzem drasticamente o consumo de energia ao operar perto do limiar ou reduzir a voltagem dos transistores. Essa CPU conceito roda rápido quando necessário, mas reduz o consumo para abaixo de 10 milliwatts quando a carga de trabalho for leve – baixo o bastante para manter o computador rodando enquanto é alimentado apenas por uma célula solar do tamanho de um selo postal. Ao mesmo tempo em que o chip de pesquisa não se tornará um produto, os resultados dessa pesquisa poderiam levar à integração de circuitos de voltagem escalável próxima ao limiar em futuros produtos, reduzindo o consumo de energia em cinco vezes ou mais ao ampliar a capacidade do computador e outros dispositivos de permanecerem sempre ligados. Tecnologias como essa acelerarão o objetivo do Intel Labs de reduzir o consumo de energia da computação de 100 a 1000 vezes para aplicações que variam desde o processamento de dados massivos aos dispositivos de bolso com processamento em escala tera.

 

         O Hybrid Memory Cube, uma DRAM conceitual desenvolvida pela Micron* em colaboração com a Intel, demonstra uma nova abordagem para o design da memória, oferecendo uma melhoria de sete vezes na eficiência no consumo de energia em comparação com a DDR3 atual. O Hybrid Memory Cube usa uma configuração de memória empilhada no chip, formando um “cubo” compacto, e usa uma nova e altamente eficiente interface de memória que estabelece o parâmetro para o consumo de energia por bit transferido ao mesmo tempo em que oferece suporte para taxas de dados de um trilhão de bits por segundo. Essa pesquisa poderia levar a melhorias drásticas em servidores otimizados para computação em nuvens, bem como ultrabooks, televisões, tablets e smartphones.

 

Os muitos usos da tecnologia Multicore

         A tecnologia multi-core, a prática de criar mais de um mecanismo de processamento em um único chip, tornou-se o método aceito para aumentar o desempenho enquanto mantém o consumo de energia baixo. Ao mesmo tempo em que a tecnologia multicore é mais uma perspectiva de design, e não a simples inclusão de mais núcleos com uma abordagem tradicional, ela está reinventando o design de chips com base na suposição de que maiores quantidades de núcleos é a nova norma.

         Rattner destacou o progresso que a computação multi-core tem experimentado desde que ele apresentou o primeiro processador dual-core no IDF há cinco anos. Atualmente, os processadores multi e many-core da Intel estão utilizando inúmeros aplicativos importantes para uma ampla gama de setores da indústria, incluindo novos e surpreendentes usos para o mundo da computação com alta contagem de núcleos, que avança rapidamente.

         Rattner descreveu algumas das mais recentes aplicações dessa tecnologia, juntamente com as ferramentas de software e técnicas de programação que estão permitindo que os desenvolvedores aproveitem o poderio da computação multi e many-core em diversas áreas-chave, incluindo:

 

  • Apps Web mais rápidos: Ampliando as características de programação paralela do JavaScript™, por meio do recém lançado mecanismo de código aberto Parallel JS da Intel Labs, para habilitar uma nova classe de apps baseados nos navegadores em áreas como edição de fotos e vídeos, simulações físicas e jogos 3-D para computadores portáteis e desktops, incluindo os Ultrabooks™.
  • Serviços em nuvens com resposta mais rápida: A maior melhoria da classe em consultas por segundo para aplicativos Memcached usando as capacidades multi-core da 2ª Geração dos microprocessadores Intel® Core™ visa permitir que os maiores sites do mundo melhorem a velocidade de resposta de seus apps Web e minimizem o tempo de espera por usuário para dados críticos.
  • Segurança melhorada para PCs: Os serviços de criptografia paralela e reconhecimento facial melhorarão a segurança para ultrabooks, notebooks tradicionais e PCs ao utilizar todos os núcleos gráficos da Arquitetura Intel presentes na 2ª Geração dos microprocessadores Intel Core de maneira heterogênea.
  • Infraestrutura wireless de baixo custo: A pesquisa colaborativa com a China Mobile substituirá o hardware caro e padrão para estações base usadas em antenas de celular atualmente por uma alternativa baseada em software programável e com melhor custo benefício.
  • Ciência realmente grande: Desvendando os mistérios do universo com a utilização dos clusters dos processadores multi-core da Intel no CERN* para melhorar muito o desempenho do apps de física e rapidamente migrar códigos para a próxima família de produtos com a arquitetura Many Integrated Core (MIC) da Intel.

 

Sobre a Intel

A Intel (NASDAQ: INTC) é líder mundial em inovação. A empresa projeta e fabrica as tecnologias essenciais que servem como base para os dispositivos computacionais de todo o mundo. Mais informações sobre a Intel estão disponíveis em http://newsroom.intel.com/community/pt_br.

 

Siga a Intel no Twitter: www.twitter.com/intelbrasil

 

Intel e o logo da Intel são marcas registradas da Intel Corporation ou de suas subsidiárias nos Estados Unidos e em outros países.

* Outros nomes e marcas são propriedades de outros.

O Intel® Solid-State Drive 710 Series com tecnologia de alta resistência oferece durabilidade e desempenho extremos para maior confiabilidade, eficiência e valor

 

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

  • A Intel estreia o SSD SATA Multi-Level Cell (MLC) Intel SSD 710 Series de classe empresarial com alta resistência, desempenho e confiabilidade.
  • O Intel SSD 710 Series usa memória flash NAND MLC de 25nm de alta qualidade e oferece capacidades de 100GB, 200GB e 300GB.
  • O Intel SSD 710 com Tecnologia de Alta Resistência oferece resistência SSD Single-Level Cell (SLC) com qualidade MLC para o armazenamento ideal em data centers.

 

SANTA CLARA, Califórnia, 15 de setembro de 2011 – A Intel Corporation anunciou hoje o seu mais novo drive em estado sólido (SSD, na sigla em inglês), o Intel® Solid-State Drive 710 Series, um SSD Multi-Level Cell (MLC) fabricado especialmente para data centers, substituindo o Intel® X25-E Extreme SSD. Enquanto o Intel X25-E era baseado na memória flash NAND Single-Level Cell (SLC) mais cara mas altamente confiável, o Intel SSD 710 usa memória flash NAND MLC de 25nm e qualidade computacional da Intel com a Tecnologia de Alta Resistência da Intel (HET, na sigla em inglês) para oferecer a resistência e o desempenho necessários para data centers, serviços financeiros, embarcados, portais de Internet, mecanismos de busca e outros aplicativos para servidores e armazenamento pesado, mas com ótimo valor.

 

         “O Intel SSD 710 Series dá aos usuários corporativos dos segmentos de embarcados e data centers, resistência e desempenho extremos, graças à Tecnologia de Alta Resistência da Intel baseada na tecnologia MLC NAND de 25nm da Intel”, declarou Rob Crooke, vice-presidente da Intel e gerente geral do Grupo de Soluções de Memória Não Volátil da Intel. “Os SSDs da Intel são amplamente usados nos data centers devido ao seu desempenho, confiabilidade e valor. Nossa nova família de produtos SSD oferece mais de 30 vezes a resistência dos nossos atuais SSDs MLC, além de melhor desempenho e novas características, como a prevenção de dados em caso de falta de energia, além de disposições adicionais de memória NAND para maior confiabilidade”.

 

         O Intel SSD 710 oferece praticamente a mesma resistência dos SSDs NAND baseados na SLC, e ainda utiliza a maior capacidade e se aproveita do melhor custo benefício da MLC NAND. Ele atinge resistência imediata de gravação de até 1,1 Petabytes (PB) e chega com capacidades de 100 Gigabytes (GB), 200 GB e 300 GB. Voltado para aplicativos que dependem muito da conectividade I/O, o Intel SSD 710 atinge um desempenho de gravação randômico de 4K com até 2700 operações de entrada/saída por segundo (IOPS, na sigla em inglês) e desempenho de leitura randômica de 4K com até 38500 IOPS por todo o drive, tornando-o um substituto perfeito para um SSD SLC ou múltiplos discos rígidos de classe empresarial (HDD). Além do desempenho, o Intel SSD 710 pode substituir muitos HDDs que consomem muita energia por um único SSD para ajudar a reduzir os custos dos data centers com eletricidade.

 

         “As equipes da Cisco e da Intel têm trabalhado de perto, analisando os requisitos para os servidores nos data centers – as organizações de TI atualmente ficam sem memória com mais frequência e precisam de maior densidade de memória, bem como capacidade e desempenho”, declarou David Lawler, vice-presidente de gestão de produtos para a Cisco. “O servidor UCS B230 M2 da Cisco oferece a maior capacidade de memória, e é um dos servidores com dois soquetes de maior densidade e menor tamanho (metade da largura) equipados com o Intel® Xeon® E7-2800. A Cisco oferecerá o Intel SSD 710 Series para ampliar ainda mais o desempenho e a capacidade de armazenamento do UCS B230 com dois drives locais oferecendo 100GB cada em setembro e até 300GB cada no outono”.

 

         O Intel SSD 710 também inclui características de confiabilidade e segurança.  Essas incluem a proteção melhorada dos dados em caso de falta de energia para reduzir as perdas de dados em potencial durante uma falta de luz, maior segurança de dados com a memória flash NAND para fornecer proteção para o sistema caso um núcleo NAND venha a falhar, a Advanced Encryption Standard (AES) com tecnologia de criptografia pré-configurada de 128-bits para proteger os dados de ameaças externas ou problemas internos do sistema, além do Monitoramento e Controle da Temperatura contendo um sensor interno de temperatura que pode ser monitorado usando dois atributos da tecnologia de automonitoramento e informe (SMART, na sigla em inglês) para prevenir períodos de inatividade.

 

         Voltado para modelos de uso com muita necessidade de gravação, o drive pode ser sobreprovisionado pelo usuário para atingir uma resistência de gravação até 80% maior, criando um ótimo valor para o armazenamento. A Intel HET combina melhorias no silício NAND com técnicas únicas para a gestão de SSDs NAND para ampliar a resistência dos SSDs baseados na tecnologia MLC. A Intel HET abrange firmware desenvolvido pela Intel, controlador e NAND de alto desempenho para uma resistência e desempenho otimizados para cargas pesadas de dados e gravação utilizadas 24 horas por dia, sete dias por semana, nos data centers para modelos de uso científicos, financeiros e outros de alta intensidade. As melhorias no firmware da Intel incluem técnicas avançadas para evitar erros, redução de algoritmos para amplificação da gravação e gestão de erros do sistema além dos padrões normais da indústria para Error Correction Code (ECC).

 

         Oferecendo um melhor custo por GB do que a geração anterior do Intel X25-E SSD, o Intel SSD 710 Series custa US$ 649 para a versão de 100GB, US$ 1289 para a de 200GB e US$ 1929 para a de 300GB, todos com base em pedidos de 1000 unidades. Eles oferecem garantia limitada de três anos. Para baixar o kit multimídia para a imprensa visite www.intel.com/newsroom/ssd. Para mais informações sobre os SSDs da Intel, visite www.intel.com/go/ssd ou siga a Intel SSDs no Twitter (@intelssd), no Facebook (www.intel.com/go/ssdfacebook) ou em communities.intel.com.

 

Sobre a Intel

A Intel (NASDAQ: INTC) é líder mundial em inovação. A empresa projeta e fabrica as tecnologias essenciais que servem como base para os dispositivos computacionais de todo o mundo. Mais informações sobre a Intel estão disponíveis em http://newsroom.intel.com/community/pt_br.

 

Siga a Intel no Twitter: www.twitter.com/intelbrasil

 

Intel e o logo da Intel são marcas registradas da Intel Corporation ou de suas subsidiárias nos Estados Unidos e em outros países.

* Outros nomes e marcas são propriedades de outros.

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

  • A Intel lidera a indústria mais uma vez na reinvenção da computação pessoal com o lançamento dos dispositivos Ultrabook que oferecerão as mais completas e satisfatórias experiências computacionais.
  • Oferecendo uma redução de mais de 20 vezes no consumo em standby conectado, o processador “Haswell” da Intel deve chegar ao mercado de dispositivos em 2013.
  • A 2ª geração dos processadores Intel® Core™ é a família de processadores com saída mais rápida da história da Intel, com mais de 75 milhões de unidades vendidas até o momento.
  • A 3ª geração dos processadores Intel Core de 22nm oferecerá ótimo desempenho, economia no consumo de energia e melhorias em gráficos e mídias para os Ultrabooks e PCs em 2012.
  • As características de segurança embarcadas ajudarão a oferecer paz de espírito para os usuários; Intel e McAfee* colaboram para oferecer uma solução antifurto para os Ultrabooks em 2012.

 

INTEL DEVELOPER FORUM, San Fancisco, 14 de setembro de 2011 – Em seu discurso no Intel Developer Forum (IDF), Mooly Eden, vice-presidente e gerente geral do PC Client Group, disse que a experiência da computação pessoal está passando por outra transformação fundamental, com a Intel liderando a criação do Ultrabook™, uma nova categoria de dispositivos móveis.

         Para projetar a categoria Ultrabook, a Intel começou elencando as características que as pessoas mais desejam em seus dispositivos para a computação pessoal, tanto de uma perspectiva emocional, quanto da racional. Os Ultrabooks são projetados para dar às pessoas o poder de criar e consumir em um dispositivo pequeno, leve, seguro e elegante que oferece uma experiência envolvente e com ótima velocidade de resposta sem comprometer o desempenho, e tudo isso com preços convencionais.

         “Desde o lançamento da tecnologia Intel® Centrino®, há mais de oito anos, não testemunhamos uma transformação tão fundamental na computação pessoal”, declarou Eden. “Os dispositivos pessoais equipados com a 2ª geração dos processadores Intel® Core™ oferecem às pessoas uma experiência de computação pessoal que elas nunca tiveram antes e não pararemos aqui. Sabemos que as pessoas desejam e exigem mais de seus computadores – para criar, consumir e compartilhar – e essa é a razão pela qual desafiamos a indústria e a nós mesmos a fazer do Ultrabook o dispositivo mais adaptável, completo e satisfatório”.

 

Transformação do PC em andamento

         Os primeiros Ultrabooks, que deverão estar disponíveis na temporada de compras no final desse ano, são baseados na 2ª geração dos processadores Intel Core. Eles chegarão ao mercado em diversos formatos reduzidos e poderão ser despertados de forma praticamente instantânea até do estado mais profundo de hibernação por meio da tecnologia Intel® Rapid Start.

         A 2ª geração da família do processador Intel Core apresentada no começo desse ano oferece um experiência visual completamente nova como resultado do desempenho e do processador gráfico melhorados. Eden disse que até agora a Intel já vendeu mais de 75 milhões de processadores Intel Core de 2ª geração, o que faz dele o processador com saída mais rápida na história da Intel. Isso também ressalta a continuidade da forte procura mundial pela computação pessoal, já que aproximadamente um milhão de computadores são vendidos a cada dia.

         Eden dividiu o palco com a Microsoft* para demonstrar o sistema operacional Windows 8* em funcionamento, rodando inúmeros aplicativos em Ultrabooks baseados na Intel. Eles destacaram a ampla colaboração entre as duas empresas e apontaram as futuras oportunidades que o Windows 8* apresentará para diversos dispositivos, como tablets, híbridos e novos formatos como o Ultrabook.

         Eden também destacou a tecnologia Thunderbolt, uma nova tecnologia I/O dual-protocolo de alta velocidade projetada para desempenho, simplicidade e flexibilidade. A Thunderbolt possibilita o armazenamento de alta velocidade e permite que dispositivos para a captura de mídia e monitores se conectem por meio de um único cabo. Os participantes do IDF tiveram a chance de ver um protótipo da tecnologia Thunderbolt rodando no sistema operacional Microsoft Windows 7*.

 

Equipando a próxima onda de dispositivos Ultrabook em 2012


         Eden deu aos participantes do IDF uma prévia do processador que equipará os dispositivos Ultrabook em 2012 – a 3ª geração do processador Intel Core (codinome “Ivy Bridge”). Com previsão de estar disponível em sistemas no primeiro semestre de 2012, ele oferecerá melhor desempenho e eficiência no consumo de energia. A Intel também re-projetou o processador gráfico para fornecer melhores experiências com jogos e vídeos.

         Eden demonstrou seis designs de Ultrabook em pré-produção baseados na 3ª geração dos processadores Intel Core e disse esperar por uma ampla seleção de dispositivos para as pessoas de todo o mundo em 2012.

         Para fornecer a paz de espírito que as pessoas desejam, características de segurança baseadas no processador serão embarcadas nos dispositivos Ultrabook, como as tecnologias Intel® Identity Protection e Intel Anti-Theft. Aproveitando as capacidades oferecidas atualmente, a próxima geração de Ultrabooks, notebooks e desktops pode se beneficiar do esforço colaborativo entre Intel e McAfee* para desenvolverem em conjunto um serviço antifurto da McAfee para Ultrabooks. Disponível em 2012, a solução da McAfee será a primeira a aproveitar as tecnologias únicas embarcadas nos chips Intel e fornecerá proteção a dispositivos e dados dos consumidores, com opções como o travamento do equipamento, a limpeza total dos dados e o rastreamento em tempo real do dispositivo.

         Desafiando toda a indústria da computação pessoal a trabalhar junta para oferecer dispositivos finos, leves e mais completos, Eden abordou as tecnologias de componentes, incluindo painéis, teclados, tecnologia de bateria e chassis, que requerem maior inovação para tornar a visão do Ultrabook uma realidade. Liderando a inovação, a Intel demonstrou uma nova tecnologia para a economia de energia em notebooks que limita a atualização da tela quando a tela do Ultrabook estiver estática, economizando assim energia. A LG Display, líder no fornecimento de painéis será uma das primeiras a levar os painéis autoatualizáveis otimizados para o consumo ao mercado para Ultrabooks usando a sua Tecnologia Shuriken* que oferece recursos de ponta para design, dimensões menores e baixo consumo.

 

A visão do Ultrabook transformada em realidade

         A visão do Ultrabook é um esforço plurianual de toda a indústria que será realizado em três fases. Eden disse que a primeira fase está em andamento e será concluída na temporada de compras de final de ano com o lançamento dos primeiros dispositivos Ultrabook, enquanto a fase dois começará com o lançamento da 3ª geração dos processadores Intel Core no primeiro semestre de 2012. Em 2013 a Intel lançará a próxima geração do seu processador “Haswell” de 22nm, dando início à fase três da transição para os Ultrabooks. Eden demonstrou o ”Haswell” rodando múltiplos aplicativos no palco do IDF. Os dispositivos equipados com o futuro chip transformarão a experiência da computação pessoal como resultado dos novos níveis de economia de energia no processador que ajudarão a fornecer mais de 10 dias de duração de bateria em modo standby conectado, além de dar às pessoas a mais completa e satisfatória experiência computacional.

Sobre a Intel

A Intel (NASDAQ: INTC) é líder mundial em inovação. A empresa projeta e fabrica as tecnologias essenciais que servem como base para os dispositivos computacionais de todo o mundo. Mais informações sobre a Intel estão disponíveis em http://newsroom.intel.com/community/pt_br.

 

Siga a Intel no Twitter: www.twitter.com/intelbrasil

 

Intel e o logo da Intel são marcas registradas da Intel Corporation ou de suas subsidiárias nos Estados Unidos e em outros países.

* Outros nomes e marcas são propriedades de outros.

Santa Clara e Mountain View, Califórnia, 13 de setembro de 2011 – Intel Corporation e Google Inc. anunciaram hoje que trabalharão juntas para habilitar e otimizar futuras versões do Android™ para a família de processadores de baixo consumo Intel Atom™. Isso significa que as futuras versões da plataforma Android oferecerão suporte para a tecnologia Intel, além das outras arquiteturas.

 

         O esforço conjunto foi projetado para acelerar o tempo para o lançamento no mercado de smartphones baseados na tecnologia Intel rodando a plataforma Android. A Intel aproveitará a acessibilidade de código aberto da plataforma Android para fornecer a seus clientes produtos tecnológicos que inspirem a inovação contínua, além de ajudar a habilitar poderosas experiências pessoais que se aproveitem da tecnologia da Intel em uma ampla gama de dispositivos. Esse trabalho permitirá que OEMs de dispositivos móveis e operadores de redes wireless aproveitem as capacidades de desempenho e baixo consumo da arquitetura Intel® e a escala do ecossistema x86 para desenvolvedores a fim de estimular a adoção da plataforma Android.

 

         “Ao otimizar a plataforma Android para a arquitetura Intel, levamos uma nova e poderosa capacidade para o mercado a fim de acelerar a adoção e ampliar as opções da indústria, e levar novos e empolgantes produtos ao mercado que se aproveitem do potencial combinado da tecnologia Intel e da plataforma Android”, declarou o Presidente e CEO da Intel, Paul Otellini. “Juntas, estamos acelerando a arquitetura Intel e levando novos níveis de inovação para a plataforma Android”.

 

         “A combinação do Android com o plano da Intel para smartphones de baixo consumo abre uma oportunidade para a inovação e o surgimento de mais opções”, declarou Andy Rubin, vice-presidente sênior de mobilidade do Google. “Essa colaboração estimulará o ecossistema Android de agora em diante”.

 

         O anúncio de hoje aproveita as recentes iniciativas conjuntas das duas empresas para habilitar a arquitetura Intel nos produtos do Google, que incluem o SO Chrome, Google TV, o Kit para Desenvolvimento de Software (SDK) e o Kit para Desenvolvimento Nativo (NDK) para Android.

 

Sobre o Google Inc.

         As inovadoras tecnologias de buscas do Google conectam milhões de pessoas em todo o mundo com informações todos os dias. Fundado em 1998 pelos estudantes de doutorado da Universidade de Stanford, Larry Page e Sergey Brin, o Google é hoje um dos buscadores mais valorizados no mundo. O programa de publicidade direcionada do Google gera negócios para empresas de todos os tamanhos, com resultados significativos, ao mesmo tempo em que melhora a experiência geral dos usuários na Web. O Google tem sede no Vale do Silício (Califórnia) e escritórios por todas as Américas, Europa e Ásia. Para mais informações, acesse: www.google.com.br.

 

Sobre a INTEL

A Intel (NASDAQ: INTC) é líder mundial em inovação. A empresa projeta e fabrica as tecnologias essenciais que servem como base para os dispositivos computacionais de todo o mundo. Mais informações sobre a Intel estão disponíveis em http://newsroom.intel.com/community/pt_br.

 

Siga a Intel no Twitter: www.twitter.com/intelbrasil

Intel e o logo da Intel são marcas registradas da Intel Corporation ou de suas subsidiárias nos Estados Unidos e em outros países.

* Outros nomes e marcas são propriedades de outros.

Intel anuncia esforço conjunto ao Google* e detalhes da inovação para Ultrabooks™ de baixo consumo


NOTÍCIAS EM DESTAQUE

  • Intel e Google otimizarão futuros lançamentos da plataforma Android™ para a família de processadores de baixo consumo Intel Atom™.
  • O CEO revelou como os avanços na tecnologia de silício e engenharia de plataforma reduzirá o consumo da plataforma em estado inativo para o chip “Haswell” em 2013, reduzindo-o em mais de 20 vezes em relação aos atuais designs de plataforma.

INTEL DEVELOPER FORUM, San Francisco, Califórnia, 13 de setembro de 2011 – A Intel Corporation anunciou hoje um novo esforço com o Google* que busca acelerar os negócios da Intel no segmento de smartphones.

 

         A empresa também revelou que os engenheiros da Intel estão trabalhando em uma nova classe de gestão de consumo de plataforma para Ultrabooks™ que ajudará a fornecer uma computação sempre conectada.

 

         O Presidente e CEO da Intel, Paul Otellini, fez os anúncios durante a abertura do Intel Developer Forum.

 

         “A computação está em um estado constante de evolução”, declarou Otellini, descrevendo as oportunidades e desafios enfrentados pela Intel e a indústria. “A demanda sem precedentes para a computação, desde dispositivos de acesso até a computação emnuvem, está criando oportunidades significativas para a indústria. A Intel está inovando e trabalhando com nossos parceiros para oferecer experiências computacionais mais móveis, seguras e perfeitas. Estou empolgado com as novas experiências que serão criadas para uma ampla gama de dispositivos e estamos apenas começando”.

 

Crescimento em novos segmentos de mercado


Atendendo um dos principais objetivos corporativos para o crescimento dos negócios da Intel em segmentos de mercado adjacentes à computação, Otellini comentou sobre os recentes esforços da empresa para acelerar seus negócios no segmento de smartphones e demonstrou um design de referência baseado no processador Intel® Atom™ e rodando a plataforma Android™.

Otellini apresentou também Andy Rubin, vice-presidente sênior de mobilidade do Google*. Os dois executivos delinearam os planos para habilitar e otimizar futuros lançamentos da plataforma Android™ para a família de processadores de baixo consumo Intel Atom™. O esforço conjunto foi projetado para acelerar o tempo para o lançamento no mercado dos smartphones baseados na tecnologia da Intel rodando a plataforma Android.

 

“A nossa colaboração com o Google trará novas e poderosas capacidades ao mercado a fim de ajudar a acelerar a inovação, a adoção e as opções da indústria”, declarou Otellini. “Estou empolgado com as possibilidades dessa colaboração. Ela permitirá que nossos clientes levem novos e empolgantes produtos e experiências de usuários ao mercado que explorem o potencial combinado da arquitetura Intel e da plataforma Android”.

O anúncio de hoje aproveita as recentes iniciativas conjuntas das duas empresas para habilitar a arquitetura Intel nos produtos do Google. As iniciativas conjuntas incluem o SO Chrome, Google TV , o Kit para Desenvolvimento de Software (SDK) e o Kit para Desenvolvimento Nativo (NDK) para Android .

 

Ampliando os limites do baixo consumo para Ultrabooks™ e além


         Otellini previu que os sistemas Ultrabook fornecerão a experiência computacional mais completa e satisfatória. A empresa está trabalhando com os parceiros da indústria para oferecer produtos com preços convencionais a partir deste final de ano para essa nova categoria de dispositivos de acompanhamento mais leves e finos.

 

          O CEO da Intel disse que os engenheiros da empresa acelerarão ainda mais a inovação do Ultrabook com a tecnologia “Ivy Bridge” de 22nm da Intel no começo do próximo ano com a ajuda dos revolucionários transistores3-D Tri-gate da empresa.

         Ele destacou o amplo trabalho de habilitação entre Intel e Microsoft e apontou as oportunidades futuras que o Windows 8 apresentará para tablets, dispositivos híbridos e novos formatos como os Ultrabooks™.

 

         Otellini também descreveu a nova classe de gestão de consumo de energia da plataforma que está em desenvolvimento para os produtos “Haswell” 2013 para Ultrabooks. Os avanços na tecnologia de silício e na engenharia de plataforma deverão reduzir o consumo da plataforma em estado inativo em até 20 vezes em relação aos designs atuais, sem comprometer o desempenho. Otellini espera que essa mudança de projeto, juntamente com a colaboração da indústria, possibilite que os Ultrabooks permaneçam mais de 10 dias conectado em standby com uma única carga da bateria até 2013. Os avanços ajudarão a fornecer computação sempre ligada e sempre conectada, onde os Ultrabooks ficam conectados em modo standby, mantendo o e-mail, as redes sociais e o conteúdo digital atualizados.

 

         Olhando ainda mais para o futuro, Otellini previu que a inovação no consumo da plataforma alcançará níveis difíceis de serem imaginados atualmente. Os pesquisadores da Intel criaram um chip que poderia permitir que um computador seja ligado em uma célula solar do tamanho de um selo postal. Conhecido como “Núcleo de Voltagem Perto do Limiar”, esse chip de pesquisa da Arquitetura Intel estende os limites da tecnologia do transistor para personalizar o uso de energia para níveis extremamente baixos.

 

Protegendo o próximo bilhão de dispositivos computacionais

         Otellini recebeu no palco Candace Worley, vice-presidente sênior e gerente geral de segurança de endpoints da McAfee. Ela descreveu como a Intel e a McAfee têm trabalhado juntas em diversos hardwares inovadores assistidos por soluções de software para segurança.

 

         Os dois executivos reforçaram a crescente necessidade por investimentos e inovação contínuos, já que bilhões de novos dispositivos computacionais deverão se conectar a Internet e uns com os outros.

 

         Worley apresentou a nova tecnologia de plataforma Deep SAFE da McAfee que trabalha com capacidades de hardware encontradas nos processadores Intel Core i3, i5 e i7. A tecnologia Deep SAFE fornece novos níveis de segurança e um ponto de vista diferente ao operar abaixo do sistema operacional. Essa tecnologia será lançada como um produto da McAfee para empresas ainda nesse ano.

 

         Otellini anuncio que a Intel está trabalhando com a McAfee em um plano de soluções de segurança que se estende por todo o espectro da computação, de dispositivos embarcados à nuvem.

 

Experiências perfeitas, consistentes e interoperáveis


         À medida que a computação continua a evoluir, Otellini enfatizou a necessidade por experiências perfeitas, consistentes e interoperáveis em uma variedade de dispositivos computacionais. Para dar suporte a essa visão, a Intel já está criando capacidades em diversos dispositivos, incluindo Ultrabooks e computadores Tudo em Um. Otellini demonstrou inúmeras novas capacidades que estarão disponíveis em sistemas da Acer*, Lenovo* e Toshiba* nessa temporada de final de ano.

         Mais informações sobre os produtos e tecnologias demonstradas no discurso, estão disponíveis em www.intel.com/newsroom/idf.

 

Sobre a INTEL

A Intel (NASDAQ: INTC) é líder mundial em inovação. A empresa projeta e fabrica as tecnologias essenciais que servem como base para os dispositivos computacionais de todo o mundo. Mais informações sobre a Intel estão disponíveis em http://newsroom.intel.com/community/pt_br.

Siga a Intel no Twitter: www.twitter.com/intelbrasil

Intel, Intel Core, Atom, o logo da Intel e Ultrabook são marcas registradas da Intel Corporation ou de suas subsidiárias nos Estados Unidos e em outros países.

* Outros nomes e marcas são propriedades de outros. Android é marca registrada da Google Inc.

Executivo assume a área de relações governamentais com a missão de estreitar e desenvolver projetos em parceria com o governo federal


São Paulo, 12 de setembro de 2011 - A Intel Brasil anuncia que Fernando Loureiro assume a posição de Diretor de Relações Governamentais para o Brasil, com o objetivo de estreitar as relações da Intel Brasil com o setor governamental e desenvolver novas oportunidades de negócios. O executivo ficará baseado em Brasília e vem para reforçar o time de relações institucionais e governamentais da Intel Brasil.

 

O executivo traz para a Intel uma vasta experiência nesta função na área de TI e outros setores regulamentados. Fernando comandou o projeto de startup da Dell no Brasil, onde permaneceu onze anos e foi diretor de Comunicação e Assuntos Corporativos e posteriormente diretor Global de Estratégias de Localização e Desenvolvimento de Negócios; foi diretor de Políticas Públicas, Marketing Digital e Comunicação da Roche Pharmaceuticals, respondendo por toda a gestão e relacionamento das áreas-chave para Roche no Brasil. Antes disso, teve passagens relevantes na Itautec, Ministério das Relações Exteriores e Compaq.

 

Fernando Loureiro também foi diretor da ABINEE - Associação Brasileira da Indústria Eletrônica, vice-presidente da Câmara-e.net; Presidente da Comissão Amcham de Políticas de TI; membro do Rio Grande do Conselho Amcham Sul de causa; diretor da FIERGS (Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul ) e membro do Comitê de Advocacy da Interfarma (Associação Brasileira Pharma).

Sobre a Intel

A Intel (NASDAQ: INTC) é líder mundial em inovação. A empresa projeta e fabrica as tecnologias essenciais que servem como base para os dispositivos computacionais de todo o mundo. Mais informações sobre a Intel estão disponíveis em http://newsroom.intel.com/community/pt_br.

Siga a Intel no Twitter: www.twitter.com/intelbrasil

Intel e o logo da Intel são marcas registradas da Intel Corporation nos Estados Unidos e em outros países.

* Outros nomes e marcas são propriedade de seus respectivos donos.

Gerentes, vendedores e técnicos receberão cursos de integração de computadores, além de orientações de marketing, vendas e negócios para o mercado de tecnologia

São Paulo, 08 de setembro de 2011 – A Intel realiza no próximo dia 13 de setembro, por meio de seu Programa de Canal Intel® Technology Provider, o maior treinamento anual de integração, marketing e vendas de tecnologia da empresa. Voltado para as empresas parceiras na área de revenda e integração, a Intel espera receber mais de 600 profissionais para o evento que acontecerá no Bahia Othon Palace Hotel, Salvador.

 

Os treinamentos apresentam aos técnicos em integração de tecnologia os principais diferenciais dos mais recentes lançamentos da Intel e as soluções mais interessantes para os consumidores em relação aos custos-benefícios. Enquanto os profissionais que atuam com vendas e marketing têm a oportunidade de participar de palestras sobre argumentação em vendas, fidelização do cliente e novas ferramentas de vendas - o que os ajuda na geração de negócios com maior retorno.

 

Os interessados em participar dos treinamentos para a área de Canal - técnicos, integradores, vendedores, gerentes e proprietários, devem se inscrever pelo site

http://www.eventosintel.com.br/icctst2011/ ou pelo telefone: 0800 886 0001 até o dia 12 de setembro. Os treinamentos da Intel são um benefício para as revendas parceiras e não há nenhum custo para a inscrição.

 

 

Há mais de 13 anos no Brasil, o Programa de Canal da Intel conta hoje com mais de sete mil parceiros integradores ativos no País. Em São Paulo, o encontro reuniu mais de 900 participantes. Com o intuito de treinar presencialmente todo este público, até outubro deste ano, as capitais Porto Alegre, Rio de Janeiro e Brasília também receberão o mesmo modelo de treinamento.

 

“Após a realização dos treinamentos nas principais capitais do Brasil, acompanhamos os resultados em vendas em todo o País e já detectamos um crescimento de até 30% de números de negócios fechados nas revendas, o que é um resultado altamente significativo para o segmento”, afirma Marcos Lacerda.

 

Serviço

Os interessados em participar dos treinamentos para a área de Canal - técnicos, integradores, vendedores, gerentes e proprietários, devem se inscrever pelo site

http://www.eventosintel.com.br/icctst2011/ ou pelo telefone: 0800 – 886 0001 até o dia 12 de setembro.

 

Local

 

Bahia Othon Palace Hotel- Avenida Oceânica, 2294 – Ondina – Salvador/ Bahia.

Contato: Rosana (71) 2103-7107

Sobre a INTEL

A Intel (NASDAQ: INTC) é líder mundial em inovação. A empresa projeta e fabrica as tecnologias essenciais que servem como base para os dispositivos computacionais de todo o mundo. Mais informações sobre a Intel estão disponíveis em http://newsroom.intel.com/community/pt_br.

 

Siga a Intel no Twitter: www.twitter.com/intelbrasil

Acompanhe o perfil Parceiros Intel no Facebook: www.facebook.com/parceiros.intel

 

*Intel e o logo da Intel são marcas registradas da Intel Corporation ou de suas subsidiárias nos Estados Unidos e em outros países.

 

* Outros nomes e marcas são propriedades de outros.

As startups CeelBio, EuDecido, AchaLá e VideoVivo garantiram as vagas para disputar a etapa América Latina Desafio Intel®

São Paulo, 01 de setembro de 2011 – Os quatro grandes vencedores do Desafio Brasil 2011, selecionados ontem na Fundação Getulio Vargas, conquistaram a oportunidade de concorrer com startups latinoamericanas no Desafio Intel América Latina. CeelBio, EuDecido, AchaLá e VideoVivo estão com uma importante missão: ficar entre as cinco empresas que levarão os seus projetos para o Intel Challenge, competição mundial que acontece na Universidade de Berkeley, na Califórnia.

 

A sexta edição da competição idealizada pela Intel Brasil, coordenada pelo GVcepe (centro de private equity e venture capital da Fundação Getulio Vargas) que contou com a parceria da Lenovo, ofereceu prêmios em dinheiro e em serviços como assessoria jurídica e consultoria de planejamento estratégico e de marketing, além da vagas na competição Desafio Intel America Latina. Os 6 finalistas também receberam da Lenovo os notebook Lenovo IdeaPad G470, com processador Intel da 2ª Geração da família Core. Os competidores brasileiros classificados na etapa América Latina estarão com o lugar garantido para concorrer no Intel® Global Challenge 2011, que acontecem na Califórnia. Além de concorrerem a prêmios em dinheiro, as empresas terão a oportunidade de apresentar seus projetos para investidores globais e acesso a fundos internacionais de venture capital.

 

A grande vencedora da noite foi a mineira CeelBio, empresa de desenvolvimento de produtos cerâmicos avançados, direcionados ao mercado médico-odontológico. A startup tem como estratégia de entrada o desenvolvimento do vidro bioativo, um tipo de biomaterial utilizado como substituto em cirurgias de enxertos ósseos. O diferencial inovador do produto no mercado global é a vantagem durante seu processo de síntese, o qual requer menores custos energéticos e a incorporação ao biovidro de fármacos com liberação controlada e ação localizada. O primeiro lugar garantiu um prêmio total de R$67.000 incluindo dinheiro e serviços de assessoria jurídica, de planejamento estratégico e de marketing.

 

O segundo lugar ficou para a EuDecido. A empresa de São Paulo estabelece um novo conceito de mercado de compras de bens duráveis na web. Foi apresentada como um canal diferenciado de venda, com sistema que possui a inteligência de alinhar os desejos dos consumidores em uma única cotação alavancando as vendas em massa, aumentando a exposição da marca e gerando satisfação na negociação de ambas as partes.

 

Outras duas startups também garantiram a vaga na etapa América Latina. A carioca AchaLá, apresentou a proposta de revolucionar a busca por serviços domésticos no Brasil. Fora o diferencial em relação aos outros sites da mesma linha que é a preocupação com a segurança, a equipe estruturou a primeira geração de classificados online dedicados a serviços para casa ou feitos a domicílio. O portal proporciona soluções para quem procura domésticas, babás, pintores, jardineiros e outros prestadores de serviço.

 

O VideoVivo, de Campinas, foi o último projeto a completar o ranking das empresas campeãs da noite. O aplicativo global foi desenvolvido para dispositivos móveis que possuem câmera frontal e serviços baseados em localização (também conhecidos como LBS, Location Based Services). A proposta da empresa é de propiciar o networking entre compradores e prestadores de serviços online.

 

A próxima etapa do Desafio Intel acontecerá virtualmente, em outubro. As startups apresentarão seus projetos via conferência de vídeo para a banca latinoamericana e, as vencedoras, embarcam para a Califórnia para concorrer entre as melhores empresas do mundo no Intel® Global Challenge 2011.

 

Sobre a Intel

A Intel (NASDAQ: INTC) é líder mundial em inovação. A empresa projeta e fabrica as tecnologias essenciais que servem como base para os dispositivos computacionais de todo o mundo. Mais informações sobre a Intel estão disponíveis em http://newsroom.intel.com/community/pt_br.

Acompanhe a Intel no Twitterhttp://twitter.com/intelbrasil

Intel, o logo da Intel são marcas registradas da Intel Corporation ou de suas subsidiárias nos Estados Unidos e em outros países.

 

* Outros nomes e marcas são propriedades de outros.

 

Sobre a Lenovo

A Lenovo (HKSE: 992) (ADR: LNVGY) se dedica a fabricar computadores pessoais com um design incrível. O modelo de negócios da Lenovo se baseia na inovação, na eficiência operacional e na satisfação do cliente, bem como em um enfoque em investimentos em mercados emergentes. Formada pela aquisição da antiga Divisão de Computação Pessoal da IBM, a Lenovo Group desenvolve, fabrica e comercializa mundialmente produtos e serviços de tecnologia confiáveis, de alta qualidade, seguros e fáceis de usar. A Lenovo possui centros de pesquisa em Yamato, Japão; Pequim, Shanghai e Shenzhen, China; e Raleigh, Carolina do Norte. Para informações adicionais, visite www.lenovo.com.

23 projetos concorrem a uma vaga na Etapa Latino-Americana da maior competição de empreendedorismo do mundo

São Paulo, 26 de agosto de 2011 – Durante os dias 30 e 31 de agosto, serão disputadas a semifinal e a final do Desafio Brasil 2011, competição de empreendedorismo para empresas de base tecnológica. Foram selecionados 23 projetos inovadores entre startups de todo o Brasil. Durante a classificação, foram considerados fatores como viabilidade do negócio, grau de inovação e aplicação de tecnologia, atratividade para investimentos e, fundamentalmente, viabilidade em tornar-se um negócio global. No dia 30 de Agosto, também será realizada na FIAP uma feira com empreendedores, investidores anjo, Venture Capitalists, professores da área de empreendedorismo inovação, e outros especialistas no assunto.

 

Idealizado pela Intel Brasil e coordenado pelo GVcepe (centro de private equity e venture capital da Fundação Getulio Vargas), a sexta edição da competição oferecerá prêmios em dinheiro e também em serviços como assessoria jurídica, softwares, consultoria de planejamento estratégico e de marketing, além da vagas na competição Desafio Intel America Latina. Os competidores brasileiros que se classificarem na etapa América Latina estarão classificadas para concorrer no Intel® Global Challenge 2011, que acontecem em novembro de 2011 na Universidade de Berkeley, na Califórnia. Além de concorrerem a prêmios em dinheiro, as empresas terão a oportunidade de apresentar seus projetos para investidores globais e acesso a fundos internacionais de venture capital.

 

O Desafio Brasil tem como principal objetivo desenvolver o empreendedorismo estratégico necessário para buscar aporte de capitais no mercado por meio do aprendizado com profissionais da indústria de private equity e venture capital no Brasil (investidores, empreendedores e acadêmicos. “Os participantes do Desafio Brasil poderão se beneficiar diretamente com a experiência de apresentarem projetos para representantes de fundos de private equity e venture capital. Acreditamos que este tipo de iniciativa é vital para formar os empreendedores do futuro”, comentou Rubem Saldanha, Gerente de Educação da Intel Brasil.

 

Palestras e Encontro com especialistas

 

No dia 30 de Agosto, após o término da apresentação das semifinais, acontecerá na FIAP um encontro com investidores e especialistas do mercado de venture capital e empreendedores. O encontro também contará com uma palestra com Alex Tabor, um dos fundadores do site Peixe Urbano, e uma mesa redonda com o tema “Criando Valor para sua Startup”.

 

“Neste ano, o evento cresceu bastante. Além de trazermos para São Paulo o que há de melhor em termos de empreendedores de mais de 10 diferentes estados, preparamos também um evento que trará a experiência de pessoas do mercado de investimento, empreendedores que já conseguiram investimentos para as suas empresas e até empreendedores que já deram um passo além (o desenvestimento)”, explica Rubem Saldanha.

Concurso Cultural no Facebook

 

Ainda como forma de promover startups brasileiras e suas inovações, Intel e Lenovo promovem um concurso cultural nas redes sociais. Os fãs da página da Intel Brasil no Facebook (http://www.facebook.com/intelbrazil) podem participar do concurso clicando na Aba “Desafio Brasil 2011”, ou diretamente pelo endereço on.fb.me/desbra2011 para conhecer em detalhes 22 dos projetos de base tecnológica de todo o Brasil que estão concorrendo no Desafio Brasil 2011.

 

Para concorrer, basta responder a pergunta ““Qual dos projetos finalistas do Desafio Brasil é mais inovador e por quê?”. Os autores das três melhores respostas ganharão um notebook Lenovo G470 equipado com um processador Intel® Core™ i5 de 2ª Geração. As empresas que inspiraram as respostas também receberão um notebook Lenovo.

 

Os vídeos e informações sobre os projetos participantes estão disponíveis no Blog da Lenovo (www.bloglenovo.com.br/desafio-brasil). O Concurso Cultural Desafio Brasil 2011 acontece entre os dias 24 e 30 de agosto às 12h, pouco antes do início das finais do Desafio Brasil 2011.

 

Serviço: Desafio Brasil 2011

 

Semifinal Desafio Brasil

Data: 30 de agosto

Local: FIAP - Av. Lins de Vasconcelos, 1222 e 1264 - São Paulo, SP

18h30    Cadastro de participantes

19h00    Apresentação FIAP e Desafio Brasil

19h30    Palestra: Peixe Urbano, com Alex Tabor

20h00    Painel com o tema “Criando valor para sua startup” com Fernando Campos (Gávea Angels), Cássio Spina (Anjos do Brasil), Marco Fishben (Descomplica), Adriano Brandão (Navegg), Márcio dos Santos Filho - mediador (Inseed Investimentos)

21h00    Feira de apresentação dos projetos e Coquetel

22h00    Anúncio do Resultado

 

Final Desafio Brasil

Data: 31 de Agosto

Local: FGV EAESP - Rua Itapeva, 432 - São Paulo, SP

14h45    Abertura Desafio Brasil

15h00    Apresentações dos projetos

18h30    Decisão da Banca / Palestra "Case de Sucesso"

19h30    Anúncio do Resultado

 

Conheça os 23 projetos finalistas:

  • Campinas

Empresa: Alkem Equipamentos Industriais

Projeto: Trabalha em energia e meio ambiente com tecnologias limpas como o GAE, gás obtido da água que substitui os gases fósseis nas suas diversas aplicações.

Empresa Negocicarros

Projeto: Negocicarros.com é um site onde a pessoa diz o carro que quer comprar e recebe propostas de vendedores e lojas, para uma negociação objetiva e online.

 

Empresa: VideoVivo

Projeto: Aplicativo para dispositivos móveis ideal para um mercado de compra e venda de serviços virtuais gerados pelos próprios usuários

  • Distrito Federal

Empresa: Cuia – Inteligência em Automação

Projeto: Empresa de compras coletivas através de Mobile Commerce.

  • Rio Grande do Sul

Empresa: i9Access Tecnologia

Projeto: Seu produto, o iCareMobile realiza a coleta de exames de saúde onde o paciente estiver e realiza a transmissão por meio de aparelho celular.

Empresa: Just Play It

Projeto: A Just Play IT produz jogos sociais MMO que já exploram os gráficos 3D do aguardado Flash Player 11, possuindo enfoque em um público mais gamer.

 

  • Minas Gerais

Empresa: CeelBio Tecnologia em Cerâmicas Ltda

Projeto: A empresa apresenta ao mercado médico-odontológico um projeto de biomaterial que atua como substituto sintético para cirurgias de enxertos ósseos.

  • Bahia

Empresa: LSC Guindastes

Projeto: Guindaste torre com sistema autônomo de controle para o contrapeso.

  • Santa Catarina

Empresa: Certimarca

Projeto: Soluções para rastreabilidade e segurança de produtos, documentos e conteúdos digitais com uso de códigos 2D, watermarkings e smartphones.

 

  • Paraná

Empresa: Dooim

Projeto: Empresa desenvolve aplicativos na plataforma WebOS e iOS – todos com fácil portabilidade.

 

Empresa: Doc-Be Gourmet

Projeto: Doc é um e-marketplace baseado em social commerce e fair trade que gera renda, oportunidade e desenvolvimento no mercado de alimentos especiais.

 

Empresa: Biosmart

Projeto: MovSmart melhora os resultados dos exercícios que você realiza! Faz a leitura, acompanhamento e auxílio precisos dos exercícios nos aparelhos de musculação.

 

  • Ceará

Empresa: NEO - Tecnologias Sustentáveis

Projeto: Empresa apresentou um Ecotoilet - uma bacia sanitária que utiliza água residuária no seu mecanismo de descarga.

 

  • Pará

Empresa: Runtime Technologies

Projeto: O Opará proporciona novos níveis de gestão da fruticultura, envolvendo a gestão global e rastreabilidade da fruta: do campo aos supermercados.

 

  • Pernambuco

Empresa: Alveus

Projeto: Com o Ubee você nunca mais vai se perder em centros comerciais e ainda vai receber ofertas especiais e prêmios de acordo com seu perfil.

Empresa: BIDCORP Leilões Corporativos Digitais

Projeto: Empresa apresenta um serviço integral de gestão e venda de ativos empresariais agregados a uma plataforma de leilões virtuais.

 

  • Rio de Janeiro

Empresa: AchaLá

Projeto: O portal oferece uma solução simples para a busca e contratação de prestadores de serviços para a casa, como domésticas, babás, pintores etc .

 

Empresa: Forebrain Neurotecnologia

Projeto: Empresa oferece soluções tecnológicas para pesquisa e marketing baseados em neuromarketing.

 

Empresa: Meu Mobi

Projeto: Empresa oferece ferramenta simples para a criação de websites para dispositivos móveis de negócios para qualquer segmento.

 

  • São Paulo

Empresa: EuDecido

Projeto: Empresa que traz á internet o poder de barganha, proporcionando aos clientes e parceiros uma nova experiência de consumo e venda dos bens duráveis.

 

Empresa: Livre.FM

Projeto: Serviço de streaming de músicas integrado às redes sociais, em que é possível ouvir músicas em qualquer lugar e ainda se conectar com novos artistas.

 

Empresa: MeuCarrinho

Projeto: Ferramenta para facilitar a compra de supermercado. Com seu smartphone, você escaneia de códigos de barras e compara preços e opiniões sobre produtos

 

Empresa: OvermediaCast

Projeto: Plataforma de software como serviço para hospedar, compartilhar e monitorar vídeos online.

 

Sobre a Intel

A Intel (NASDAQ: INTC) é líder mundial em inovação. A empresa projeta e fabrica as tecnologias essenciais que servem como base para os dispositivos computacionais de todo o mundo. Mais informações sobre a Intel estão disponíveis em http://newsroom.intel.com/community/pt_br.

 

Acompanhe a Intel no Twitterhttp://twitter.com/intelbrasil

 

Intel, o logo da Intel são marcas registradas da Intel Corporation ou de suas subsidiárias nos Estados Unidos e em outros países.

 

* Outros nomes e marcas são propriedades de outros.

São Paulo, 23 de agosto de 2011 – Para preparar o mercado nacional de capital de risco e os apaixonados pelo futuro para a final nacional do Desafio Brasil, maior competição entre projetos de inovação tecnológica do País, Intel e Lenovo promovem um concurso cultural nas redes sociais para identificar qual o projeto mais inovador, na opinião dos brasileiros, dentre 22 finalistas da competição.

 

Os fãs da página da Intel Brasil no Facebook (http://www.facebook.com/intelbrazil) podem participar do concurso clicando na Aba “Desafio Brasil 2011”, ou diretamente pelo endereço on.fb.me/desbra2011 para conhecer em detalhes 22 projetos de base tecnológica de todo o Brasil que estão concorrendo no Desafio Brasil 2011. Os vídeos e informações sobre os projetos participantes estão disponíveis no Blog da Lenovo (www.bloglenovo.com.br/desafio-brasil).

 

Para participar, basta assistir os vídeos explicativos dos projetos e responder a pergunta “Qual dos projetos finalistas do Desafio Brasil é mais inovador e por quê?”. O autor da melhor resposta será premiado com um notebook Lenovo G470 equipado com um processador Intel® Core™ i5 de 2ª Geração. A empresa cujo projeto foi o inspirador da melhor resposta também leva como prêmio um notebook Lenovo G470.

 

O Concurso Cultural Desafio Brasil 2011 acontece entre os dias 24 e 30 de agosto às 12h, pouco antes do início das finais do Desafio Brasil 2011, que acontecem entre os dias 30 e 31 de agosto, na Fundação Getúlio Vargas. Dos 23 projetos finalistas da competição – 22 dos quais participam da promoção no Facebook – três serão classificados para a etapa América Latina do Intel Global Challenge, e disputarão uma vaga para a final mundial, que acontecerá em novembro, na Universidade de Berkeley, Califórnia. Os vencedores do concurso serão anunciados logo após o término do Desafio Brasil 2011, pelos canais de mídias sociais da Intel no Twitter e no Facebook e da Lenovo no Twitter e no Facebook.

 

O Desafio Brasil, idealizado pela Intel Brasil, dentro dos seus programas de fomento ao empreendedorismo, é coordenado pelo GVcepe (centro de private equity e venture capital da Fundação Getulio Vargas), encontra-se em sua sexta edição. A competição reconhece os melhores projetos tecnológicos com mais de R$100 mil em prêmios e vinte horas em mentoring com profissionais da indústria local e do Vale do Silício, assessoria jurídica e consultoria em plano de negócios.

 

Sobre a INTEL

A Intel (NASDAQ: INTC) é líder mundial em inovação. A empresa projeta e fabrica as tecnologias essenciais que servem como base para os dispositivos computacionais de todo o mundo. Mais informações sobre a Intel estão disponíveis em http://newsroom.intel.com/community/pt_br.

 

Siga a Intel no Twitter: www.twitter.com/intelbrasil

*Intel e o logo da Intel são marcas registradas da Intel Corporation ou de suas subsidiárias nos Estados Unidos e em outros países.

 

* Outros nomes e marcas são propriedades de outros.

São Paulo, 23 de Agosto de 2011 – A Intel dá início à 13ª edição de treinamentos para revendedoras e integradoras de tecnologia com um evento voltado para as empresas parceiras do canal de distribuição. Pela primeira vez, os treinamentos irão abordar todos os tipos de parcerias da Intel, incluindo integradores, VARs e revendas, visando agregar valor aos negócios dos parceiros e preparar o mercado para as mais recentes inovações tecnológicas. Além de São Paulo, as cidades de Salvador, Porto Alegre, Rio de Janeiro e Brasília também abrigarão eventos de treinamento para os parceiros. Além destes treinamentos presenciais, a Intel também já capacitou mais de 3 mil profissionais por meio de seus canais online em 2011.

Durante o evento em São Paulo, o Vice-Presidente Mundial e Gerente Geral do Grupo de PCs da Intel, Mooly Eden, falou para os parceiros da Intel sobre o futuro, a evolução dos computadores, e o papel do Brasil como o 3º maior mercado de PCs no mundo.

 

Evolução no Mercado: Brasil em ascensão


O mercado de PCs continua em rota ascendente, com mais de um milhão de PCs Intel vendidos diariamente ao redor do mundo. A América Latina – e o Brasil em particular – é um dos grandes vetores atuais do crescimento do mercado de PCs, de acordo com o Gartner. O Brasil, com uma expectativa de crescimento de 23% em 2011, é um dos países que apresenta crescimento mais acelerado, ainda de acordo com o Gartner. É o país com maior taxa de crescimento na América Latina nos últimos cinco anos. Outros mercados de destaque são a Venezuela (23%), México (22%), Hungria (36%) República Tcheca (26%) Israel (23%), Índia (19%) e Rússia (18%).

 

Fatores importantes para o expressivo crescimento do mercado no Brasil foram o aumento da renda média familiar e uma expressiva queda nos preços de desktops e notebooks. Há uma década, o brasileiro precisava trabalhar em média 47 semanas para comprar um PC; hoje, são necessárias 5,7 semanas de trabalho, aproximando-se rapidamente da média mundial, que é de 4,3 semanas. A evolução do mercado brasileiro é expressiva: em 2005, éramos o 9º maior mercado de PCs no mundo. Em 2011, o Brasil conquistou o a3ª posição, atrás apenas dos Estados Unidos e da China.

 

Evolução em Tecnologia: Além da Lei de Moore


A Intel continua a guiar a evolução dos computadores, acompanhando, e até mesmo ultrapassando, a conhecida “Lei de Moore”, previsão de Gordon Moore, um dos fundadores da Intel, de que a quantidade de transistores em um circuito integrado dobraria em um período de aproximadamente dois anos. O comprometimento da Intel com a Lei de Moore permitiu a acelerada evolução dos PCs e a criação das incríveis tecnologias de informação e comunicação que conectam hoje bilhões de pessoas ao redor do mundo.

Recentemente, a Intel anunciou um incrível salto tecnológico que permitirá a perpetuação da Lei de Moore e a evolução dos PCs. Pela primeira vez desde que os transistores de silício foram inventados há 50 anos, transistores utilizando uma estrutura tridimensional serão incluídos na linha de produção em larga escala. A Intel lançou um revolucionário design de transistor 3-D chamado Tri-Gate, revelado pela Intel pela primeira vez em 2002, e que será incluído na linha de produção em larga escala no processo de produção de 22 nanômetros (nm) ainda nesse ano, em um chip da Intel de codinome Ivy Bridge. Um nanômetro equivale a um bilionésimo do metro.

 

O processador Intel Atom superará o ritmo da Lei de Moore, passando de 32nm, para 22nm e para 14nm em três anos consecutivos. O ritmo de uma nova geração de processador por ano resultará em uma redução significativa no desperdício e no consumo ativo do transistor, além de uma maior densidade para habilitar smartphones, tablets e netbooks mais poderosos, com mais características e maior duração de bateria.

 

A 2ª Geração dos processadores Intel Core está pavimentando o caminho para uma nova classe de computadores com designs finos, leves e elegantes. Esses sistemas começarão a oferecer novas tecnologias e chegarão ao mercado em tempo para as festas do final de ano. Algumas das inovações que a Intel está trazendo para o mercado incluem:

 

  • Tecnologia Intel® Rapid Start e Tecnologia Intel® Smart Connect –Uma ótima experiência com o PC fornece o que você precisar, quando você precisar. A Intel desenvolveu duas tecnologias, a Tecnologia Intel Rapid Start e a Tecnologia Intel Smart Connect, para que você consiga o que você precisar mais rapidamente. A Tecnologia Intel Rapid Start inicializa o seu sistema mais rápido, economizado tempo e carga da bateria. A Tecnologia Intel Smart Connect mantém seus e-mails e redes sociais atualizados automaticamente e prontos para serem usados quando você desejar. Entre inicialização mais rápida e informações sempre sincronizadas, você consegue o que precisa mais rápido.
  • Tecnologia Intel® Smart Response – A Tecnologia Intel Smart Response oferece rápido acesso a seus aplicativos e arquivos favoritos ao reconhecer dinamicamente e armazenar automaticamente seus aplicativos e arquivos mais usados do disco rígido em um drive compacto em estado sólido.
  • USB 3.0 e Thunderbolt™ -A Intel continuará a inovar em todos os aspectos da plataforma, incluindo a integração do suporte para a USB 3.0 no chipset da Intel para 2012. A tecnologia Thunderbolt, que estreou esse ano, continuará a aparecer em mais dispositivos e sistemas. Juntas, o USB 3.0 e o Thunderbolt representarão um aumento significativo na conectividade e na capacidade de transferência de dados dos PCs.

 

Estas tecnologias, aliadas ao processo de manufatura da Intel de 32 nanômetros, unem-se a outras tecnologias visivelmente inteligentes já implementadas nos processadores da 2ª Geração da família Core, que chegaram ao Brasil no começo do ano:

 

  • Intel® Quick Sync Video é um elemento único da experiência visual oferecida pela Segunda Geração da família de processadores Intel® Core™. Essa aceleração de hardware embutida permite editar e compartilhar vídeos com um desempenho impressionante, completando em minutos o que anteriormente levava horas para ser concluído. Agora mais rápido do que nunca, os consumidores podem editar, converter e compartilhar vídeos gerados em diferentes resoluções com amigos e família.
  • Intel® Insider é uma tecnologia que oferece aos consumidores acesso a filmes com o melhor da alta definição nos PCs, o que anteriormente não era possível. Com o Intel® Insider, a Intel cria um ambiente protegido para a distribuição, o armazenamento e a reprodução de conteúdo premium.
  • Intel® AVX melhora o desempenho para aplicativos visuais exigentes, como processamento de áudio, edição de vídeos e fotos profissionais, como a união de múltiplas fotografias em uma só.
  • Intel® InTru 3-D possibilita a transmissão de conteúdo esteroscópico 3-D para HDTVs e monitores compatíveis com a tecnologia 3-D via HDMI 1.4, levando toda a emoção dos filmes para fora da tela.
  • Intel® Clear Video melhora a qualidade visual e a definição de cores durante a reprodução de vídeos para uma experiência espetacular.

 

Os sistemas Tudo em Um (AIO, na sigla em inglês) representam uma categoria de produto emergente para PCs desktop. Esses sistemas integram todo o PC no monitor em designs inovadores, leves e que ocupam pouco espaço. A Intel alimenta este mercado com o lançamento de uma nova placa Thin Mini-ITX, que é um building block padronizado para a montagem de PCs AIO. Ao fornecer componentes separados, a Intel e seus parceiros estão ajudando a tornar os desktops AIO mais acessíveis para o canal de integradores de sistemas e revendedores de todo o mundo.

 

Por fim, a Intel continua a evolução dos PCs com o lançamento de uma nova plataforma, codinome Ivy Bridge, que está no caminho certo para ser lançada em 2012. A Ivy Bridge usa a microarquitetura Sandy Bridge utiliza o processo de manufatura de 22nm da Intel com os transistores 3-D Tri-Gate. Com desempenho otimizado para o consumo de energia, a Ivy Bridge possibilitará designs elegantes com características de alta velocidade de reposta.

 

Evolução da Experiência: Ultrabooks


A visão da Intel é a de habilitar uma nova experiência de usuário ao acelerar uma nova classe de computadores portáteis. Esses computadores combinarão o desempenho e as capacidades dos notebooks atuais com características de tablets para oferecer uma experiência altamente segura e rápida, em um design fino, leve e elegante. O Ultrabook™ será moldado à Lei de Moore e à tecnologia de silício da mesma forma que elas moldaram os PCs tradicionais ao longo dos últimos 40 anos.

 

A marca do Ultrabook será o seu foco na experiência do usuário: um único dispositivo de computação que se adapta a sua situação e pode funcionar tanto quanto um notebook de alto desempenho, como um tablet ergonômico e portátil. As inovações da Intel, incluindo os novos transistores Tri-Gate de 22 nanômetros, as tecnologias Intel® Smart Reponse, Intel® Rapid Start e Intel® Smart Connect guiarão o desenvolvimento do Ultrabook. A Intel acredita que em 2013, os Ultrabooks terão conquistado uma fatia considerável do mercado, e serão reconhecidos pela sua performance, mobilidade, conectividade, usabilidade e design altamente leve, fino e elegante.

 

Intel, Intel Atom, Intel Core, Intel Thunderbolt, Ultrabook, Intel Smart Response Technology, Intel Rapid Start Technology, Intel® Smart Connect Technology, Intel Z68 Express chipset, Intel Solid State Drive 311 series, Intel 6 Series Chipset Family, e o logo da Intel são marcas registradas da Intel Corporation ou de suas subsidiárias nos Estados Unidos e em outros países.

 

* Outros nomes e marcas são propriedades de outros.

NOTÍCIAS EM DESTAQUE:

  • A Intel Capital cria o fundo de US$ 300 Milhões para Ultrabook™ a fim de acelerar a próxima revolução da computação pessoal;
  • O Fundo Ultrabook™ é voltado para tecnologias que ajudarão a oferecer novas e melhores experiências para os usuários, componentes slim, tecnologias de plataforma e maior duração da bateria.

 

Califórnia, 11 de agosto de 2011 – A Intel Corporation anunciou hoje o fundo de US$ 300 milhões para Ultrabook™ a fim de estimular a inovação nesta nova categoria de dispositivos. Como anunciado na Computex no começo desse ano, os Ultrabooks™ combinarão o desempenho e os recursos dos atuais notebooks com as características dos tablets. Os dispositivos do tipo Ultrabook™ oferecerão melhor velocidade de resposta e uma experiência mais segura em um design fino, leve e elegante com preços competitivos.

 

         Para ajudar a transformar essa visão em realidade, o Fundo para Ultrabook™ da Intel Capital busca investir em empresas que fabriquem tecnologias de hardware e software focadas em melhorar a maneira como as pessoas interagem com os Ultrabooks™, possibilitando seu uso durante o dia inteiro por meio de uma maior duração da bateria, bem como designs inovadores e maior capacidade de armazenamento. O objetivo geral do fundo, que será investido ao longo dos próximos três a quatro anos, é criar um ciclo de inovação e capacidades de sistema para essa nova e crescente categoria de dispositivos móveis.

 

         “Os dispositivos do tipo Ultrabook™ estão prontos para ser uma área importante para a inovação da indústria global da computação, avaliada em US$ 261 bilhões**”, declarou Arvind Sodhani, presidente da Intel Capital e vice-presidente executivo da Intel. “O Fundo para Ultrabook™ da Intel Capital focará os investimentos em empresas que fabriquem tecnologias que ajudarão a revolucionar a experiência da computação e transformarão os computadores móveis de hoje em dispositivos ‘indispensáveis’”.

 

“Comemorando 30 anos de inovação, o PC é o dispositivo Darwinista final e a Intel está se esforçando para reinventar novamente a computação móvel", disse Mooly Eden, vice-presidente e gerente geral do PC Client Group da Intel. "Em 2003, a combinação da tecnologia Intel Centrino com a WiFi embarcada, juntamente com os US$ 300 milhões da Intel Capital em investimentos de risco e outros esforços para estimular a indústria, deu início à a mudança de PCs desktop para a computação móvel a qualquer hora, em qualquer lugar. Nosso anúncio de hoje é sobre a Intel mobilizar investimentos significativos para alcançar o próximo salto histórico da computação".

 

Existem três fases-chave na estratégia da Intel para acelerar a sua visão para essa nova categoria. Os esforços da empresa começaram esse ano com a 2ª Geração dos processadores Intel® Core™. Essa família de produtos possibilitará designs finos, leves e bonitos, com menos de 21mm de espessura e preços competitivos. Os sistemas baseados nesses chips estarão disponíveis para a temporada de compras do final do ano de 2011.

 

O lançamento dos Ultrabooks™ nesse ano exigiu uma significativa colaboração de toda a indústria da computação. A Intel trabalhou de perto com seus clientes para assegurar que os dispositivos do tipo Ultrabook™ ofereçam uma experiência atrativa e única para os consumidores. Muitos OEMs colaboraram com esse esforço desde o princípio.

 

“O Ultrabook™ pega as melhores tecnologias e as combina com designs finos e uma duração de bateria extraordinariamente longa para um novo tipo de experiência computacional”, declarou Peter Hortensius, presidente do Grupo de Produtos da Lenovo. “Esse novo tipo de computação pessoal se alinha com o nosso foco contínuo em criar soluções inovadoras para notebooks que ultrapassem os limites da mobilidade”.

A segunda fase da visão da Intel ocorre com a próxima geração do processador da Intel de codinome “Ivy Bridge™”, que deverá estar disponível em sistemas no primeiro semestre de 2012. Os notebooks baseados na “Ivy Bridge™” contarão com maior eficiência no consumo de energia, desempenho visual inteligente, maior velocidade de resposta e segurança reforçada.

 

Os produtos planejados da Intel para 2013, codinome “Haswell”, são o terceiro passo do progresso dos Ultrabooks™ e deverão reduzir o consumo de energia para a metade do “thermal design point” dos microprocessadores de hoje.

 

A Intel Capital possui um forte histórico de estimular a inovação e o crescimento da computação por meio de investimentos dedicados e conscientes em novas empresas e em empresas que estejam na liderança da inovação tecnológica em todo o mundo. Ao empregar os principais recursos de arquitetura, engenharia e liderança em manufatura da Intel juntamente com os investimentos de recursos, a Intel Capital ajudou a criar os ecossistemas de tecnologia que estão por trás de muitas das mais difundidas aplicações da tecnologia de hoje.

 

Além do Fundo da Intel Capital para Ultrabook™, a Intel Capital possui inúmeros fundos dedicados que estimulam inovações em áreas tecnológicas e regiões geográficas específicas. Fundos específicos para países incluem o Fundo Tecnológico para a China, o Fundo Tecnológico para a China II, O Fundo Tecnológico para o Brasil e o Fundo para Turquia e Oriente Médio. Fundos tecnológicos específicos do passado incluem o Fundo da Intel para o Lar Digital e o Fundo da Intel para Comunicações.

Sobre a Intel

A Intel (NASDAQ: INTC) é líder mundial em inovação. A empresa projeta e fabrica as tecnologias essenciais que servem como base para os dispositivos computacionais de todo o mundo. Mais informações sobre a Intel estão disponíveis em http://newsroom.intel.com/community/pt_br.

 

Sobre a Intel Capital

A Intel Capital, a organização de investimentos estratégicos da Intel, concentra seus investimentos em novas empresas que busquem a inovação tecnológica em todo o mundo. A Intel Capital investe em uma ampla gama de empresas que ofereçam hardware, software e serviços para os segmentos empresarial, doméstico, mobilidade, saúde, Internet, manufatura de semicondutores e tecnologias limpas. Desde 1991, a Intel Capital já investiu mais de US$10 bilhões em mais de 1140 empresas em 50 países. Nesse período, 191 empresas do portfólio tornaram-se públicas em várias bolsas de valores de todo o mundo e 268 foram adquiridas ou participaram de fusões. Em 2010 a Intel Capital investiu cerca de US$327 milhões em 119 investimentos, com aproximadamente 44% da verba sendo investida fora dos Estados Unidos e Canadá. Para mais informações sobre a Intel Capital e suas vantagens diferenciadas, favor visitar www.intelcapital.com.

 

Siga a Intel no Twitter: www.twitter.com/intelbrasil

 

Intel e o logo da Intel são marcas registradas da Intel Corporation ou de suas subsidiárias nos Estados Unidos e em outros países.

* Outros nomes e marcas são propriedades de outros.
** Previsão Trimestral Mundial do Rastreamento de PCS do IDC.

Enquete online mostrou que mais de 50% dos pais de família ainda estão em seu primeiro computador; acesso a máquinas com mais recursos os ajudaria a realizar atividades mais complexas

NOTÍCIAS EM DESTAQUE:

  • O      computador já faz parte da vida dos pais, mas muitos ainda usam máquinas      defasadas, compartilhadas com outros membros da família;
  • 45% dos      pais querem novos computadores, seja para baixar músicas, filmes, realizar      novas atividades ou somente para ter sua própria máquina;
  • 20% dos      pais não aguentam mais dividir um computador com toda a família;
  • 7% dos      pais entrevistados “vigiam” as atividades online de seus filhos.

 

São Paulo, 11 de Agosto de 2011 – Uma enquete online* realizada pela Intel no começo do mês de agosto mapeou alguns dos principais usos e necessidades dos pais brasileiros em relação aos computadores. A enquete revelou que um grande número de pais trabalha com máquinas defasadas e que são compartilhadas com outros membros da família.

 

“Não raro, o pai fica em segundo plano para a utilização do computador da casa” explicou Cássio Tietê, Diretor de Marketing da Intel Brasil. “Além disso, muitos estão utilizando máquinas que já não conseguem responder à altura as demandas atuais da internet nem mesmo realizar atividades de conveniência que tornam a vida mais simples, colaborativa e divertiva, nem mesmo rodar videos em alta definição e música”, completa Tietê.

 

Comunicação, trabalho e lazer se dividem entre as principais atividades dos pais na frente dos computadores. Como muitas das máquinas são defasadas, o e-mail ainda é a tarefa mais comum, apontada por 36% como a atividade mais realizada. Os jogos casuais e mais simples, como o tradicional “Paciência”, ainda são campeões entre os pais, mania entre 33% deles. A terceira atividade mais comum é o trabalho – cerca de 23% dos pais utilizam o computador primariamente como uma ferramenta de trabalho. Existem também os pais que utilizam o computador para “vigiar” os filhos em suas atividades online, como as redes sociais - comportamento apontado por cerca de 7% dos entrevistados.

 

 

 

 

Computadores antigos são maioria

 

Para 59% dos respondentes, o computador utilizado pelos pais dentro do lar tem tecnologia considerada antiga. Muitos ainda estão em seu primeiro computador, um desktop, já com vários anos de uso e que nem sempre funciona com a velocidade e a eficiência que os pais gostariam.

 

Apenas 19% deles se consideram atualizados no quesito computadores, contando com máquinas de última geração e que são constantemente atualizadas, possibilitando aos pais acessar recursos mais modernos, como edição de vídeos e jogos de última geração. Já 13% dos pais não desgrudam do notebook, usando o computador como uma ferramenta pessoal e de forma plena.

 

Computador novo para os pais

 

A necessidade urgente de um novo computador para o pai de família foi apontada por quase 45% dos entrevistados. Neste grupo, para 20% dos pais identificados um computador novo significa liberdade: eles não aguentam mais ter que dividir a máquina e ficarem no fim da fila do uso do computador. 15% dos entrevistados também indicaram que o ganho de eficiência no trabalho, conseguir terminar uma tarefa de modo mais rápido, é um dos principais fatores que levam os pais a desejarem um novo computador.

 

Para 56% dos entrevistados, um computador novo significa não somente mais eficiência nas atividades do dia-a-dia, mas também novas possibilidades: para estes pais, ganhar um novo computador seria um incentivo para aprender mais sobre a máquina e explorar novas ferramentas e recursos oferecidos pelo mundo digital. A máquina antiga é um limitador que impede que os pais mergulhem de verdade na vida online.

 

“São muitos os pais que poderiam explorar mais benefícios da Internet e da vida digital, visualmente inteligente, tendo um equipamento com os recursos mais modernos e a velocidade necessária”, disse Cássio Tietê. “Esse atraso tecnológico pode ser desestimulante e impedir uma maior inclusão no mundo digital. Acreditamos que o Dia dos Pais seja uma oportunidade perfeita para que os filhos deem aos pais máquinas com tecnologias mais modernas e usufruam os recursos de comunicação avançada.”

 

A Intel mantém um site de uso fácil e intuitivo para os filhos que desejam escolher o computador ideal para o perfil de cada pai. Acessando o endereço www.meuproximopc.com.br, o internauta pode indicar o tipo de computador desejado e as atividades mais realizadas no PC para descobrir qual a máquina ideal para o seu pai, seja ela um desktop, notebook ou netbook.

 

* Enquete online realizada entre os dias 5 e 8 de agosto, com leitores do site Olhar Digital. Esta enquete não possui valor estatístico e representa apenas o universo de leitores do Olhar Digital.

 

Sobre a INTEL

A Intel (NASDAQ: INTC) é líder mundial em inovação. A empresa projeta e fabrica as tecnologias essenciais que servem como base para os dispositivos computacionais de todo o mundo. Mais informações sobre a Intel estão disponíveis em http://newsroom.intel.com/community/pt_br.

 

 

Siga a Intel no Twitter: www.twitter.com/intelbrasil

 

Intel e o logo da Intel são marcas registradas da Intel Corporation ou de suas subsidiárias nos Estados Unidos e em outros países.

 

* Outros nomes e marcas são propriedades de outros.

Filter News Archive

By date:
By tag: